João de Deus deve participar de novo interrogatório nesta sexta-feira, em Abadiânia | Goiás



Saiba o PASSO A PASSO exato para Posse de Arma de Fogo sem pagar despachantes, sem advogados, sem curso de tiro e sem taxas adicionais

Confira!


-

Os processos são julgados em Abadiânia porque é lá que fica a Casa Dom Inácio de Loyola, onde o réu fazia os atendimentos espirituais, e que as vítimas relatam que os crimes ocorreram. Preso desde dezembro do ano passado, ele responde a denúncias de abuso sexual, mas sempre negou as acusações.

O G1 tentou contato por mensagem com a defesa do investigado, às 9h50 e 13h30 de quinta-feira (11), e aguarda retorno.

João de Deus está detido no Núcleo de Custódia de Aparecida de Goiânia desde dezembro de 2018, Ele é réu em nove dos dez processos abertos pelo Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO).

No último dia 2, João de Deus foi interrogado pela primeira vez pela Justiça com relação aos quatro casos que compõem a primeira denúncia. Na ocasião, ele negou qualquer abuso e disse ter se lembrado de apenas uma das mulheres.

A reportagem pediu a atualização das situações de cada processo ao TJ-GO por mensagem, às 13h15 de quinta-feira, e aguarda retorno do órgão.

Veja outras notícias da região no G1 Goiás.


Como tirar CR | Armas Clandestinas | Comprar Arma sem Registro
Armas a Venda | Loja das Armas | Casa Armada