Dois policiais militares presos são suspeitos de participação em grupo criminoso que invadiu fazenda em MT | Mato Grosso

Dois policiais militares foram presos por participarem de um grupo que invadiu uma fazenda no Distrito de Santo Antônio do Rio Bonito, na região de Nova Ubiratã, a 506 km de Cuiabá.

A propriedade está localizada a 70 km de Nova Ubiratã. Um grupo invadiu o local, expulsou a família que mora na fazenda e manteve o caseiro refém por quatro dias.

No confronto, dois suspeitos foram mortos em confronto com a polícia.

Os policiais assim como os demais irão responder pelos crimes de associação criminosa, cárcere privado e sequestro, roubo, esbulho possessório, porte ilegal de arma de fogo de uso permitido e restrito.

Três dos suspeitos foram presos depois que policiais militares, acompanhados de um oficial de Justiça, apuravam uma denúncia de invasão de terra e cárcere privado na propriedade.

Eles foram recebidos a tiros pelo grupo que estava fortemente armado. A polícia revidou e cinco pessoas escaparam pela mata. Outros três acabaram presos.

O caseiro da fazenda contou à PM que passou quatro dias sob o domínio dos suspeitos. Ele disse que foi obrigado a cozinhar para o grupo e que era ameaçado de morte o tempo todo.

Ainda segundo a polícia, o proprietário da fazenda contou que, sob forte ameaça, ele e a família tiveram que deixar o local após a chegada dos suspeitos.


Como tirar CR | Armas Clandestinas | Comprar Arma sem Registro
Armas a Venda | Loja das Armas | Casa Armada

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *